fbpx
NotíciasCinema

Venom: Tempo de Carnificina quebra recorde de bilheteria

O novo lançamento arrecadou US$ 90,1 milhões nos Estados Unidos. 

Nos primeiros três dias de estreia, “Venom: Tempo de Carnificina” arrecadou US$ 90,1 milhões nos EUA, superando a marca de “Viúva Negra (US$ 80,3 milhões). O número configura um novo recorde de abertura no cinema no período da pandemia. 

Em 2018, Venom fez 80 milhões de dólares nos cinemas em seu final de semana de estreia nos Estados Unidos. 

O segundo lugar no ranking de bilheteria ficou com “A Família Addams 2”, que arrecadou US$ 18 milhões em sua estreia. 

Venom: Tempo de Carnificina 

A sequência do filme conta com o embate entre os vilões Venom e Carnificina. Woody Harrelson ficará no papel de Cletus Kasady, que se transforma no novo vilão. Tom Hardy retorna ao papel principal e Michelle Williams volta como Anne. O longa dirigido por Andy Serki já teve sua data de estreia adiada duas vezes, por conta da COVID-19. No momento, o filme está previsto para ser lançado dia 15 de outubro. Veja o trailer:

Fonte: Omelete

Advertisement

About author
Estudante de jornalismo, apaixonada pelo cinema e defensora das produções nacionais. Experiência em produção de conteúdo e análise de SEO.
Articles
Relacionados:
CríticasCinema

Crítica | Doutor Estranho no Multiverso da Loucura acerta em alguns pontos mas ressalta os erros da fase 4

4 Mins read
Doutor Estranho no Multiverso da Loucura finalmente está chegando aos cinemas mas assim como muitas das produções dessa fase 4 do UCM deve dividir opiniões.
NotíciasCinema

MUBI | Streaming revela as principais estreias do mês de maio; confira!

3 Mins read
Foco em Cannes e especiais dedicados a Joachim Trier e Joseph Losey; a estreia do filme de Kiyoshi Kurosawa, A Mulher de um Espião, e o lançamento exclusivo de Great Freedom
CríticasCinema

Crítica | Boneca Russa (2ª Temporada) - série mantém a qualidade inserindo viagens no tempo no caótico cotidiano de Nadia e Alan

3 Mins read
Passados quatro anos dos acontecimentos surreais vividos por Nadia ( Natasha Lyonne) e Alan ( Charlie Barnett) na 1ª temporada de Boneca Russa, a dupla já conseguiu fugir do constante ciclo de mortalidade que enfrentava diariamente. Mas se eles achavam que já estavam livres das artimanhas do Universo, acabaram descobrindo que era só o começo de mais uma jornada, agora com viagens no tempo via transporte público( o sonho de todos nós?), reencontro com situações vividas por seus antepassados, questões existenciais e históricas, rendendo para Boneca Russa atuações impecáveis e uma nova e sensacional trilha sonora presente também nesta 2ª temporada.