fbpx
NotíciasCinema

Shia LaBeouf atirou em cachorros na rua para ‘entrar no personagem’

FKA twigs fez mais uma revelação polêmica sobre seu relacionamento com Shia LaBeouf.

A cantora afirma que o ex-namorado costumava se orgulhar de atirar em cães de rua porque isso o ajudava a “entrar no personagem”

A cantora em uma nova entrevista com Elle, meses depois de entrar com um processo contra o ator no qual ela acusou LaBeouf de agressão sexual, agressão e inflição de sofrimento emocional.

Twigs, cujo nome verdadeiro é Tahlia Barnett, alegou que LaBeouf atirou nos animais como uma forma de se preparar para seu papel no filme The Tax Collector de 2020.

Quando ela o questionou, ele respondeu: “Eu levo minha arte a sério. Você não está me apoiando na minha arte. Isto é o que eu faço. É diferente de cantar. Eu não apenas subo no palco e faço alguns movimentos. Eu estou no personagem’ Ele me fez sentir mal, como se eu não entendesse o que era ser um ator ou fazer isso… o método [técnica de atuação]”.

Advertisement

Fonte: Monet

Confira também: Netflix oferece bolsa integral para estudar animação com profissional do Studio Ghibli; confira

About author
Amante do cinema em geral, grande fã de James Bond, e estudante.
Articles
    Relacionados:
    NotíciasCinema

    Paramount Pictures adia estreia de Clifford por tempo indeterminado

    1 Mins read
    A decisão se deu por conta da nova onda de COVID-19 que atinge o planeta. Segundo informações do Deadline, a estreia do…
    CríticasCinema

    Crítica | Tempo - Mais uma obra inovadora de Shyamalan

    3 Mins read
    M. Night Shyamalan está de volta às telonas com mais um filme bizarro e inovador, fruto de algo que poderia sair apenas de sua mente. Tempo nos brinda com uma ótima direção e sinceridade do diretor em se manter fiel ao seu histórico.
    NotíciasCinema

    Cruella | Depois de Scarlett Johansson, Emma Stone pode processar a Disney pelo mesmo motivo

    1 Mins read
    “Cruella” teve a mesma estratégia de lançamento que “Viúva Negra”: cinemas e streaming.