fbpx
NotíciasCinema

Novo filme do diretor de O Regresso já começou a ser filmado!

Alejandro González Iñárritu, vencedor do Oscar e responsável por “O Regresso” (2015) já está filmando seu novo projeto, ainda sem data de lançamento oficial. De acordo com o Los Angeles Times, o filme se chamará “Limbo” e trará um pouco da visão do cineasta sobre o atual momento político e social do México.

O elenco do filme conta com Daniel Giménez Cacho e Alfonso Cuarón, com direção de arte de Eugenio Caballero e fotografia de Darius Khondji. As gravações estão ocorrendo na Cidade do México.

filme
Foto recente do cineasta.

Em “O Regresso“, após ser atacado por um urso, o caçador Hugh Glass é abandonado na floresta por seu companheiro John Fitzgerald. Apesar de muito ferido, Glass consegue sobreviver e vai em busca de vingança. Disponível no Prime Video.

Veja também: Após morder própria filha e abusar da esposa, fãs boicotam ator dos Vingadores

Fonte: Cinema com Rapadura

Advertisement

About author
Estudante, fã de faroestes e musicais, aficionado por "Família Soprano" e 007, entre outras coisas boas da vida.
Articles
Relacionados:
NotíciasCinema

Minions 2 | Conheça o movimento ''Gentleminions''

1 Mins read
Minions 2: A Origem de Gru estreou nos cinemas na última semana e já figurou como o líder de bilheteria em todo o mundo, porém um movimento envolvendo o filme começou a ganhar notoriedade na internet desde o seu lançamento, os Gentleminions. O movimento Gentleminions consiste em fãs da franquia Meu Malvado Favorito irem assistir ao novo filme fantasiados como Gru (o protagonista da franquia) e agirem como o personagem dentro da sala de cinema.
NotíciasSéries

Stranger Things | Série se torna a mais vista em uma semana da história do streaming

1 Mins read
Stranger Things somou 7,2 bilhões de minutos. De acordo com a Variety, a série Stranger Things da Netflix bateu o recorde de…
NotíciasCinema

Ezra Miller | Ator é acusado de assédio na Alemanha

1 Mins read
De acordo com a Variety, Ezra Miller está sendo acusado de assédio na Alemanha e agressão na Islândia. O primeiro caso teria acontecido em 2020 e, em depoimento à revista, a vítima da agressão contou como tudo aconteceu, confira: