fbpx
NotíciasCinema

Luca | Animação quase teve personagem LGBTQIA+

Roteiristas revelam que Giulia, de Luca, quase foi LGBTQIA+ no filme.

Após a polêmica sobre financiar uma lei anti-LGBTQIA+, diversas informações sobre animações da Disney estão sendo divulgadas. Lightyear (filme sobre o personagem Buzz Lightyear de Toy Story) quase teve um cena de beijo gay cortada, roteiristas de outras animações alegram que foram censurados e proibidos de escreverem cenas desse tipo e agora Luca (2021) também entrou na polêmica.

De acordo com a Variety, a equipe criativa de Luca considerou que Giulia fosse LGBTQIA+, confira: “Muitas vezes a gente se depara com a questão ‘como fazemos isso sem dá-los um interesse amoroso?’. Isso acontece com muita frequência na Pixar”.

Outro filme da Pixar, Dois irmãos, foi banido em diversos países do Oriente Médio graças à personagem Specter, pois sua orientação sexual é comentada rapidamente em uma cena onde ela está conversando com a namorada.

Uma semana antes da cerimônia do Oscar e três meses antes do lançamento de Lightyear, as polêmicas e protestos podem ser prejudiciais ao futuro da The Walt Disney Company.

Advertisement

About author
Jornalista, estudante na Faculdade Cásper Líbero e Freelancer no Portal Cinerama.
Articles
Relacionados:
CríticasCinema

Crítica | Doutor Estranho no Multiverso da Loucura acerta em alguns pontos mas ressalta os erros da fase 4

4 Mins read
Doutor Estranho no Multiverso da Loucura finalmente está chegando aos cinemas mas assim como muitas das produções dessa fase 4 do UCM deve dividir opiniões.
NotíciasCinema

MUBI | Streaming revela as principais estreias do mês de maio; confira!

3 Mins read
Foco em Cannes e especiais dedicados a Joachim Trier e Joseph Losey; a estreia do filme de Kiyoshi Kurosawa, A Mulher de um Espião, e o lançamento exclusivo de Great Freedom
CríticasCinema

Crítica | Boneca Russa (2ª Temporada) - série mantém a qualidade inserindo viagens no tempo no caótico cotidiano de Nadia e Alan

3 Mins read
Passados quatro anos dos acontecimentos surreais vividos por Nadia ( Natasha Lyonne) e Alan ( Charlie Barnett) na 1ª temporada de Boneca Russa, a dupla já conseguiu fugir do constante ciclo de mortalidade que enfrentava diariamente. Mas se eles achavam que já estavam livres das artimanhas do Universo, acabaram descobrindo que era só o começo de mais uma jornada, agora com viagens no tempo via transporte público( o sonho de todos nós?), reencontro com situações vividas por seus antepassados, questões existenciais e históricas, rendendo para Boneca Russa atuações impecáveis e uma nova e sensacional trilha sonora presente também nesta 2ª temporada.