NotíciasCinema

Star Wars | John Boyega critica como Disney deixou Finn de lado: “Não é certo, vou falar a real.”

Nesta quarta (02), em uma entrevista à GQ, o ator John Boyega, o Finn de Star Wars, criticou a Disney pela forma como deixou o desenvolvimento de seu personagem de lado, focando em outras narrativas e criando uma verdadeira confusão na trama.

É complicado de lidar. Você se envolve em projetos e nem sempre vai gostar de tudo. Mas o que eu digo para a Disney é que não se cria um personagem negro e o vende como alguém importante na franquia apenas para depois jogá-lo de lado. Não é certo, vou falar a real.”, afirmou o ator.

O ator em evento recente.

O estúdio sabia o que fazer com Daisy Ridley, e sabia o que fazer com Adam Driver. Eles sabiam o que fazer com os outros, mas quando chega em Kelly Marie Tran e John Boyega, que se fod** eles. Então você quer que eu diga? Eles querem que eu fale que adorei ter sido parte disso, que foi uma grande experiência… não, não, não. Aceito falar isso quando, de fato, tiver sido uma grande experiência. Deram desenvolvimento só para Adam Driver e Daisy Ridley, vamos ser honestos. Daisy sabe disso. Adam sabe disso. Todo mundo sabe, não estou expondo nada.”, continuou Boyega.

Além disso, Boyega foi em defesa do diretor J.J. Abrams, que nem tinha obrigação de consertar as confusões da Disney, também criticando a equipe de maquiagem e assessoria, afirmando que os mesmos não incentivavam seu estilo próprio durante as coletivas. “Eu topei durante as coletivas de O Despertar da Força. E na época estava genuinamente contente de fazer parte de tudo. Mas meu pai sempre disse uma coisa: ‘Não gaste seu respeito em excesso’. Você pode ser respeitoso, mas às vezes estará se colocando como inferior.

Boyega e Kelly Marie Tran. “Disney“.

Sou o único membro do elenco que teve sua experiência em Star Wars ser baseada na sua cor de pele. Vamos deixar por isso. Isso te deixa irritado com o processo, faz você ser mais militante. Te muda porque você percebe: ‘Consegui essa oportunidade mas estou em uma indústria que sequer está pronta para mim’. Mais ninguém do elenco ouviu que pessoas iam boicotar o filme só porque você está nele. Ninguém ouvi reclamações e ameaças de morte nas suas DMs do Instagram e redes sociais, falando ‘Negro isso, e negro aquilo, você nem deveria ser um Stormtrooper’. Ninguém mais teve essa experiência. E mesmo assim as pessoas ficam surpresas que eu sou como eu sou. Essa é minha frustração.“, continuou o astro.

Advertisement

Sinto que, como celebridades, nós temos que falar através de um filtro de profissionalismo e inteligência emocional. Às vezes é preciso ficar bravo, e falar o que está na sua mente. Às vezes não há tempo para manter as aparências”, finalizou Boyega.

Fonte: Omelete

Confira: J. K. Rowling devolve prêmio humanitário após insultar comunidade trans diversas vezes

About author
Estudante, fã de faroestes e musicais, aficionado por "Família Soprano" e 007, entre outras coisas boas da vida.
Articles
    Relacionados:
    NotíciasSéries

    Governo do Reino Unido solicita que Netflix use mensagem de obra ficcional em The Crown, saiba mais!

    1 Mins read
    O governo do Reino Unido fez um apontamento durante uma entrevista, por meio da Secretária de Cultura, para que a Netflix adicione uma mensagem de que a obra é ficcional nos episódios da série The Crown.
    NotíciasCinema

    David Prowse, intérprete de Darth Vader, morre aos 85 anos

    1 Mins read
    O ator britânico David Prowse faleceu hoje aos 85 anos, segundo a BBC e a agência que lhe prestava assessoria: Famoso por…
    NotíciasSéries

    Em divertido comercial, Steve Carell vira o Papai Noel; Assista!

    1 Mins read
    Por conta de um divertido comercial gringo, o astro Steve Carell, nosso querido Michael Scott, deu vida ao Papai Noel! O vídeo…