fbpx
CríticasCinema

Crítica | Infiltrado – Um filme de ação previsível mas eficaz

Já disponível na Amazon Prime Vídeo, Infiltrado traz Jason Statham fazendo novamente o mesmo papel que costuma fazer sempre: O cara nervoso que bate em todos e no final triunfa; Porém dessa vez de uma maneira muito bem feita, graças ao roteiro e ao trabalho excepcional do diretor Guy Ritchie.

Filmes com Jason Statham costumam ter uma premissa básica: Um cara britânico e elegante de poucas palavras, que apanha bastante em dois terços do filme e no final surra todo mundo, mata os bandidos, faz algumas piadinhas e sai com a mocinha.
Eu não falo isso como se fosse uma coisa ruim, é algo que ele faz muito bem inclusive. É um clássico caso de atores que quase sempre fazem o mesmo papel, tem praticamente a mesma premissa e etc.

Porém dessa vez, o diretor Guy Ritchie, diretor de filmes muito bem consagrados como Sherlock Holmes 1 e 2, consegue fazer algo diferente com uma premissa muito previsível: Traz uma trama envolvente e com certos momentos que realmente ficamos na ponta da cadeira, mesmo sendo em mais um filme de ação\assalto que teria tudo para ser apenas mais um exemplo genérico dessas obras.
O diretor consegue pegar uma história com um roteiro relativamente simples e fazer algo muito bem feito, com sub-tramas interessantes, alguns mistérios no ar, personagens carismáticos e usando o recurso dos ”FLASH-FORWARDS” de uma maneira primordial.

O Infiltrado
Infiltrado | Imagem Filmes

O filme tem seus problemas, como alguns personagens caricatos demais e com a história em si sendo um pouco previsível, porém os acertos compensam esses pequenos deslizes.
A direção mantém a história com um bom ritmo, começando de uma maneira mais leve contando com calma todos os detalhes e apresentando os personagens de uma maneira orgânica, com muita calma e aos poucos vai indo mais a fundo para mostrar o verdadeiro motivo de todo o plot.

O elenco se sai bem: Josh Hartnett, Holt McCallany, Jeffrey Donovan e Eddie Marsan entregam bons personagens, porém o personagem de Scott Eastwood, é realmente bem forçado e caricato, fazendo com que fique um abismo entre ele e o restante do elenco.
Jason Statham está fazendo o que faz de melhor: Ser Jason Statham em um filme de ação, com ótimas cenas de combate e tiroteio.
O restante do elenco mantém um trabalho razoável, sem muitos destaques ou pontos negativos que destoem do filme como um todo.

Infiltrado
Infiltrado | Imagem Filmes

O roteiro do filme faz a diferença ao contar uma história que a princípio é básica, mas mostrando os vários pontos de vista dos personagens: Do protagonista, da empresa, dos vilões e mais alguns. A motivação do protagonista também é justa e compreensível, porém temos que nos deixar levar pela fada das coincidências em alguns momentos, nada que atrapalhe a experiência.

Advertisement

O motivo dos ”vilões” do filme também é bem compreensível, não são pessoas más que fazem coisas ruins apenas pelo prazer disso, pelo contrário: Eles possuem famílias e motivos realmente interessantes que fazem com que a gente compre a ideia do porque fazem aquilo, e é nesse ponto que eu volto a bater na tecla Scott Eastwood, que faz um personagem extremamente caricato e que destoa demais do restante de seu grupo, mas enfim, alguém tem que ser o vilão em um filme de ação do Jason Statham.

Finalizando, é um filme de ação e assalto previsível com personagens caricatos, porém vale a pena dar uma olhada pois a história é extremamente bem conduzida e muito bem contada, fazendo com que o público consiga ficar preso na história e querer saber o desfecho final, mesmo já tendo uma ideia do que vai acontecer.
É um ótimo exemplo de que as vezes não é a história em si, mas o JEITO que ela é contada que faz toda a diferença.

NOTA 3,5/5

Assista ao trailer:

Infiltrado | Amazon Prime Vídeo

Advertisement

About author
Pai, Gaúcho e fã de Cinema, Café e Cerveja; Não necessariamente nessa ordem.
Articles
Relacionados:
CríticasCinema

Crítica | Doutor Estranho no Multiverso da Loucura acerta em alguns pontos mas ressalta os erros da fase 4

4 Mins read
Doutor Estranho no Multiverso da Loucura finalmente está chegando aos cinemas mas assim como muitas das produções dessa fase 4 do UCM deve dividir opiniões.
NotíciasCinema

MUBI | Streaming revela as principais estreias do mês de maio; confira!

3 Mins read
Foco em Cannes e especiais dedicados a Joachim Trier e Joseph Losey; a estreia do filme de Kiyoshi Kurosawa, A Mulher de um Espião, e o lançamento exclusivo de Great Freedom
CríticasCinema

Crítica | Boneca Russa (2ª Temporada) - série mantém a qualidade inserindo viagens no tempo no caótico cotidiano de Nadia e Alan

3 Mins read
Passados quatro anos dos acontecimentos surreais vividos por Nadia ( Natasha Lyonne) e Alan ( Charlie Barnett) na 1ª temporada de Boneca Russa, a dupla já conseguiu fugir do constante ciclo de mortalidade que enfrentava diariamente. Mas se eles achavam que já estavam livres das artimanhas do Universo, acabaram descobrindo que era só o começo de mais uma jornada, agora com viagens no tempo via transporte público( o sonho de todos nós?), reencontro com situações vividas por seus antepassados, questões existenciais e históricas, rendendo para Boneca Russa atuações impecáveis e uma nova e sensacional trilha sonora presente também nesta 2ª temporada.