CríticasCinema

Crítica | Legado Explosivo

Produção original da The Solution Entertainment Group, “Legado Explosivo” apresenta o retorno de Liam Neeson ao extensivo gênero policial. Dirigido e roteirizado por Mark Williams (Ozark), o longa ficcional esbanja suspense e ação, mas insiste em uma trama pouco profunda e esquece de oferecer uma história minimamente significante.

Em “Legado Explosivo“, Tom Noland (Liam Neeson), um lendário ladrão de bancos, resolve mudar de vida e se tornar uma pessoa honesta quando se apaixona por Annie (Kate Walsh), uma mulher que trabalha em uma instalação de armazenamento. Na esperança de se entregar aos federais e fechar um acordo por uma sentença reduzida, ele decide deixar o seu legado para trás e concorda em devolver todo o dinheiro que roubou. No entanto, quando dois agentes corruptos do FBI o acusam injustamente de assassinato, uma caçada mortal tem início e a luta por verdade e justiça toma conta das ruas sangrentas do condado americano.

Legado Explosivo
Legado Explosivo / Imagem Filmes

Legado Explosivo” – que, desde o início, tenta convencer com a sua premissa fundamentalmente duvidosa de ação – não é capaz de se livrar das amarras temerárias que as produções do gênero insistem em impor e se desgraça na falta de imaginação de seu corpo “criativo”, que parece firme na tentativa de desenvolver um material inofensivo e, na maior parte das vezes, limitado. Nesse sentido, com pouca personalidade, a aventura policial de Mark Williams se junta à uma imensidão de longas decepcionantes e sonolentos que não alcançam um padrão mínimo para agradar.

Projeto familiar para os fãs da filmografia de Neeson, no entanto, “Honest Thief” – original – reacende a chama dos clássicos de ação protagonizados desde 2008 pelo ator. Conjurando elementos similares à trilogia “Busca Implacável“, o filme é capaz de despertar um saudosismo interessante no espectador, mas se perde em suas ambições e entrega um material simples e inexpressivo. Dessa forma, à medida que apresenta uma enormidade de falhas – aparentemente sem saída -, a produção estadunidense revela ser incapaz de explorar o seu cenário narrativo e de aprofundar os seus personagens minimamente relacionáveis, reduzindo-os a presenças desinteressadas e confusas que afastam a audiência da completude da história.

Legado Explosivo / Imagem Filmes

Legado Explosivo“, estranhamente empenhado em transformar o roteiro raso de Mark Williams em um blockbuster de ação, falha em suas tentativas de agradar o grande público e acaba por estacionar em uma sessão da tarde pouco convincente e sem muito brilho. Dispondo, a princípio, de elementos interessantes e promissores, a tradução em tela não funciona e, por duas horas, o espectador é bombardeado com frases prontas e arcos narrativos previsíveis de personagens pouco desenvolvidos. Incapaz de sair da sua zona de conforto, o longa, sem muita credibilidade, torna-se esquecível e bem pior do que deveria ser.

Legado Explosivo já está em cartaz nos cinemas.

Advertisement

Nota: 2/5

Assista ao trailer:

Veja também: Crítica | Os Novos Mutantes

About author
Estudante de Cinema e Audiovisual na Universidade Federal Fluminense. 21 anos.
Articles
Relacionados:
NotíciasCinema

Superman | Warner procura diretor e protagonista negros para novo filme

1 Mins read
Em um artigo publicado pelo The Hollywood Reporter, o novo reboot de Superman acabou sofrendo algumas alterações. Além da busca da Warner…
NotíciasCinema

Oscar 2021 | Por que inverteram a ordem de entrega dos prêmios? Produtor fala sobre a polêmica

1 Mins read
No dia 25 abril ocorreu a cerimônia do Oscar, evento máximo da indústria do cinema. No encerramento, aconteceu algo inusitado: deixaram a entrega do prêmio de Melhor Ator para o final. Entenda o motivo.
NotíciasCinema

O Homem nas Trevas | Sequência ganha primeira imagem e sinopse, confira

1 Mins read
“O Homem nas Trevas” silenciou as salas de cinema por causa da sua atmosfera densa e sufocante. O suspense ganhará uma continuação que estreará em breve.