CríticasCinema

Crítica | A Barraca do Beijo

Baseado no livro de Beth Reekles, A Barraca do Beijo chegou em 2018 no catálogo da Netflix arrancando suspiros dos fãs de romances adolescentes

2018 foi um ano em que a Netflix apostou em romances adolescentes para todos os gostos, chamando a atenção do público jovem com suas histórias de amor cheias de clichês e totalmente previsíveis,  e isso não seria diferente com A Barraca do Beijo.

O longa começa contando a história de Shelly Evans -ou Elle, como ela mesmo prefere ser chamada – (Joey King) e Lee Flynn (Joel Courtney), que são melhores amigos desde que nasceram, graças às mães deles que eram amigas desde muito jovens, e que engravidaram coincidentemente na mesma época, o que causou o nascimento dos dois no mesmo dia, sim, muita coincidência. Noah Flynn ( Jacob Elordi) é o irmão mais velho de Lee, ele é problemático em muitos níveis, típico bad boy que adora entrar em uma briga, e é o crush secreto de Elle.

A Barraca do Beijo
A Barraca do Beijo | Netflix

Com as famílias sempre unidas em datas especiais, era provável que um interesse de Elle por Noah pudesse aparecer em qualquer hora, e foi assim que nasceu a lista de regras entre os melhores amigos. Entre coisas como “só o seu melhor amigo pode saber o seu desejo de aniversário” e “ sempre fique feliz pelo sucesso do seu melhor amigo” estava a regra mais importante : “Parentes do seu melhor amigo estão totalmente fora de questão”, regra colocada por Lee, que tinha a atenção sempre roubada pelo irmão mais velho, e assim foi por 16 longos anos.

Tudo mudou quando a escola resolveu fazer um evento beneficente, cada clube deveria criar uma gincana para arrecadar fundos, e foi aí que nasceu a Barraca do Beijo, mudando toda a história fazendo com que Elle e Noah se beijem pela primeira vez, deixando os sentimentos que um tem pelo o outro finalmente exposto para quem quisesse ver, colocando uma grande pedra na amizade de Lee e Elle.

É extensa a lista de filmes em que o vilão se apaixona pela mocinha, ou o popular pela nerd, é o típico clichê adolescente que estamos acostumados a assistir. No caso de A Barraca do Beijo, devo assumir que torci em algum momento pelo casal Elle e Lee acontecer, mas depois percebi que se isso realmente acontecesse, poderíamos não ter uma história tão interessante quanto a original.

Advertisement
A Barraca do Beijo
A Barraca do Beijo | Netflix

Apesar de adorarmos ver o bad boy e a nerd que mal sabe se maquiar extremamente apaixonados um pelo outro, o grande ápice do filme é a relação de amizade sólida entre Lee e Elle, que no final conseguem superar todos os seus problemas e passam a se apoiar em suas decisões.

Mesmo com a história toda fofa sobre o amor adolescente e a amizade, não posso deixar de citar os momentos em que senti certo desconforto em relação a algumas atitudes, o machismo ocupa bastante espaço na primeira parte do filme, quando Noah usa da sua fama de valentão para afastar qualquer tentativa de flerte sobre Elle, além de sempre impor o que ela deve ou não fazer. Lee não é muito diferente do irmão, já que também gosta de dar pitaco – e às vezes até mandar mesmo – nas ações da melhor amiga, típico machismo que não podemos passar o famoso pano.

Mas mesmo com esses contras, o filme é bem gostoso de assistir, os atores foram muito bem escalados, incluindo a presença ilustre da queridinha dos filmes adolescentes dos anos 80 Molly Ringwald, e da música Don’t You (Forget About Me) do Simple Minds, que trouxeram um ar nostálgico pro filme.

A Barraca do Beijo
A Barraca do Beijo | Netflix

A Barraca do Beijo termina deixando um gostinho de quero mais com a ida de Noah para Harvard, colocando em risco a sua relação com Elle. Tudo para que ficássemos imaginando o que teria acontecido com eles e como estariam enfrentando esse relacionamento à distância.  A Netflix ouviu as nossas preces e não demorou muito para anunciarem a segunda parte, que chega no catálogo do streaming nessa sexta-feira (24).

No trailer podemos ver que o ciúmes e a desconfiança são temas abordados na segunda parte da história, onde Elle tem que lidar com a sua insegurança ao imaginar o que Noah poderia estar fazendo na faculdade. Além disso, um novo personagem entrará na história para abalar ainda mais a relação dos pombinhos.

Advertisement

A Barraca do Beijo está disponível na Netflix.

Nota: 3,5/5

Assista ao trailer:

About author
21, Jornalista e amante do cinema.
Articles
    Relacionados:
    CríticasCinema

    Crítica | Dançarina Imperfeita

    2 Mins read
    Nova produção original da Netflix é a prova viva de que o streaming adora apostar em romances adolescentes e que esse talvez seja o seu ponto alto. Cheia de clichês adolescentes “Dançarina Imperfeita” entrou para a lista de queridinha do público logo na sua estreia.
    NotíciasCinema

    Liam Neeson quer continuar fazendo filmes de ação até precisar de um andador

    1 Mins read
    Em entrevista recente ao Entertainment Weekly, o ator Liam Neeson, conhecido por vários papéis em filmes de ação, afirmou que vai continuar…
    NotíciasCinema

    Robert Pattinson mentiu para Christopher Nolan sobre ser o novo Batman

    1 Mins read
    Em uma entrevista ao The Irish Times, o ator Robert Pattinson (“Bom Comportamento“) revelou que mentiu ao diretor Christopher Nolan sobre fazer…