NotíciasCinema

CCXP Worlds | Lázaro Ramos apresenta seu primeiro longa-metragem como diretor

No painel “Medida provisória e o futuro distópico de Lázaro Ramos” da CCXP Worlds 2020, os convidados Seu Jorge, Taís Araújo e Lázaro Ramos falaram sobre o filme “Medida Provisória”, sobre questões raciais, o papel representativo de seus personagens, sobre direção e atuação, entre outros aspectos.

A trama de “Medida Provisória” se passa em um futuro distópico no qual o governo brasileiro assina uma medida provisória obrigando cidadãos negros à irem para a África. Dois primos decidem não cumprir o decreto e se escondem em um apartamento em que passam a debater questões raciais, políticas e sociais. 

Em debate mediado por Manoel Soares, Lázaro Ramos revelou como decidiu realizar o filme como diretor: “foi de maneira forçada, não queria dirigir. Fiz essa obra no teatro e depois de 1 mês achei que aquilo poderia se transformar em cinema, ofereci para alguns amigos cineastas e ninguém topou, então eu comecei a adaptar, há 9 anos atrás. Adotei uma nova linguagem, tem thriller, comédia e drama, uma equipe imensa, e a gente trouxe um filme impactante, divertido e reflexivo”.

Taís Araújo, que vive a médica Capitu (segundo Lázaro, uma homenagem para Machado de Assis), falou um pouco sobre o processo de identidade de profissionais negros em profissões elitizadas: “o filme provoca a sociedade com personagens negros em posições elitizadas, também constrói um imaginário que já existe sobre essa cultura. O filme reflete sobre a solidão identitária que essas pessoas podem sentir nesses ambientes.” A atriz falou ainda sobre a experiência de trabalhar com o marido, perguntada por Manoel sobre uma nota para seu trabalho, ela afirmou: “vinte. Ele é um excelente maestro, faz com que os profissionais se sinta valorizados e a equipe trabalha feliz”, completou.

Um dos protagonistas do filme, Seu Jorge também elogiou o trabalho de Lázaro: “um privilégio estrear no primeiro filme de Lázaro. A parte mais exigente foi dar o que Lázaro queria para esse filme. Os personagens têm características muito especificas, havia muitos riscos de perder a mão, tínhamos de prestar muita atenção em tudo e todos. ” O ator também refletiu sobre a ideia do enredo, afirmando que os personagens do filme, uma médica, um jornalista e um advogado, todos negros, são projeções do que esperam para a sociedade do futuro.

Advertisement

Lázaro Ramos dirigiu e roteirizou o longa-metragem ao lado de Elísio Lopes Júnior, o elenco é composto por Seu Jorge, Taís Araújo, e Alfred Enoch, ator brasileiro conhecido por seu papel como Wes Gibbins, na série How To Get Away with Murder. A produção deve estrear no Brasil no primeiro semestre de 2021.

Sobre a Comic Con Experience — 2020

A CCXP é um dos principais eventos de cultura pop e entretenimento mundial, nesse ano, por conta da pandemia de COVID-19, está sendo realizado em formato online. As atrações serão realizadas do dia 4 a 6 de dezembro.

Leia mais: CCXP Worlds | Amazon Prime Video revela imagens exclusivas da terceira temporada da série original American Gods

About author
Paulista, 23 anos, estudante de cinema e audiovisual.
Articles
Relacionados:
NotíciasSéries

Os Padrinhos Mágicos ganhará série live-action; confira

1 Mins read
A Paramount divulgou hoje que uma série live-action de Os Padrinhos Mágicos está sendo desenvolvida para o Paramount+.  A série Live-action não terá nenhuma ligação com o filme Os Padrinhos…
NotíciasSéries

Loki | Nova série da Marvel ganha data de estreia no Disney+

1 Mins read
A Disney revelou oficialmente em suas redes oficiais a data de estreia de Loki, a nova série da Marvel Studios. No ano…
NotíciasSéries

The Boys | Terceira temporada ganha primeira imagem oficial, confira!

1 Mins read
Nesta quarta (24), Eric Kripke, showrunner da série, anunciou o início da produção da terceira temporada de “The Boys” por meio de…