fbpx
NotíciasCinema

Após polêmicas, Christopher Nolan deve encerrar parceria com a Warner

A Warner poderá perder a parceria com Christopher Nolan, um dos seus realizadores mais importantes dos últimos anos.

A cconexão entre o estúdio e o diretor tem quase 20 anos e é uma das mais duradouras em Hollywood, envolvendo “Insomnia” (2002), a trilogia “O Cavaleiro das Trevas” (2005-2012), “O Terceiro Passo” (2006), “Inception – A Origem” (2010), “Interstellar” (2014), “Dunkirk” (2017) e “Tenet” (2020).

Mas isto pode mudar após a Warner anunciar que iria lançar todos os seus filmes de 2021 no mesmo dia nos cinemas e na plataforma de streaming HBO Max.

De acordo com relatório publicado pelo Wall Street Journal: “Após anos como um diretor de elite da Warner Bros., Christopher Nolan, que escreveu e dirigiu ‘TENET’, não deve retornar ao estúdio com seu próximo projeto, em parte porque ele ficou desapontado com a distribuição híbrida do estúdio em 2021 envolvendo HBO Max.”

Fonte: Legião dos heróis

Advertisement

Confira também:Marvel aceita pagar salário milionário de Tobey Maguire para Homem-Aranha 3

About author
Amante do cinema em geral, grande fã de James Bond, e estudante.
Articles
Relacionados:
NotíciasCinema

Halloween Ends | 3° e último filme da nova trilogia ganha trailer

1 Mins read
Na última terça-feira (19), a produtora Blumhouse lançou o primeiro trailer de Halloween Ends, o último filme da trilogia escrita e dirigida por David Gordon Green. Confira:
NotíciasSéries

Emmy 2022 | Conheça os indicados à principal categoria da noite

2 Mins read
Os indicados ao Emmy 2022 foram revelados na última terça-feira (12) com um recorde no número de indicados à categoria de Melhor Série de Drama (a mais importante da noite). Confira agora onde assistir a cada uma delas e do que elas se tratam:
NotíciasCinema

Thor: Amor e Trovão | Filme é boicotado por cenas LGBTQIA+

1 Mins read
Apesar de ser o líder na bilheteria mundial pelo segundo final de semana consecutivo, Thor: Amor e Trovão está sendo boicotado pelo grupo cristão americano One Million Moms por “cenas de conteúdo LGBTQIA+ explícito”. O texto do grupo cita “a tensão romântica gay entre o Deus do Trovão e o Senhor das Estrelas”, “a deusa bissexual Valquíria” e o “gênero neutro” do personagem Axl.